Gramática Inglesa – A Melhor Maneira de Estudar (E Aprender) O Guia Completo.

Gramática Inglês – Como estudar a gramática da Língua Inglesa?

Em suas pesquisas, você já deve ter percebido toda a polêmica que envolve o estudo da gramática da língua inglesa certo?

Algumas pessoas dizem que não se deve estudar a gramática, outras dizem que você deve estudar a todo custo, e bom…

O que fazer ao certo?

Sem dúvidas esse atrito de ideias pode ser um problema para você, te deixando com uma maior confusão ainda sobre o tema.

A gramática tem um papel fundamental se você deseja se comunicar bem em inglês, se eu não soubesse da gramática da língua portuguesa por exemplo, eu “estará escrevo desse maneira” (estaria escrevendo dessa maneira), ou seja, sem fazer muito sentido para você.

Porém é necessário entender também que a educação tem evoluído muito durante as últimas décadas, não só a educação, mas, o mundo inteiro tem evoluído muito, principalmente a tecnologia.

A tecnologia evoluiu e por si só levou com ela nesse processo evolutivo muitas outras coisas e áreas do conhecimento, a educação por exemplo é uma delas.

É simplesmente inadmissível que você estude hoje da mesma maneira que se estudava a 20, 15, 10 anos atrás, se as tecnologias são diferentes, as formas de estudo não podem ser as mesmas… A tecnologia serve para facilitar a nossa vida, e também os nossos estudos.

A verdade é que hoje ninguém aguenta mais sentar em uma cadeira, pegar um livro e ficar horas estudando a gramática de uma língua que nem se conhece ainda…

Eu me lembro de quando eu estava iniciando os meus estudos da língua inglesa há 5/6 anos atrás, acredite ou não, é horrível estudar uma gramática de uma língua que você não conhece (do português já é chato, imagina do inglês?).

As vezes eu sentava na mesa pra estudar, as vezes estava fazendo calor… Nossa, era horrível.

Comecei a me utilizar da tecnologia para aprender o inglês, sem ficar com decoreba, sem ficar sofrendo em uma mesa sentado, e foi ai que eu percebi que eu estava estudando através de uma maneira um tanto ultrapassada para a tecnologia que eu tinha disponível naquele momento.

Foi ai que eu consegui vencer esta etapa (acredito que você está passando por ela agora), e é por isso que eu decidi escrever este artigo, justamente para ajudar as pessoas que assim como eu sofri, estão sofrendo para estudar e aprender a gramática da língua inglesa.

Boa Leitura 😉


O artigo será dividido em 3 partes, conheça cada uma delas abaixo:
Parte 1: A Gramática Inglesa e o Aprendizado do inglês

Entenda de uma maneira simples e resumida qual a relação entre a gramática inglesa e o aprendizado do inglês, acredite ou não estudar gramática inglesa é diferente de estudar inglês. Saiba aqui o porquê.

Parte 2: Diamante Bruto x Lapidação deste Diamante

O estudo da gramática inglesa se assemelha a uma lapidação de uma diamante bruto que você já tem, qual seria esse diamante bruto?

Saiba nesta segunda parte.

Parte 3: Como aprender a gramática Inglesa “tecnologicamente”?

Conheça nessa terceira parte a melhor maneira de se estudar a gramática da língua inglesa, se você deseja falar inglês de maneira fluente.


A Gramática Inglesa e o Aprendizado do Inglês

gramática inglesa

Antes de continuar a leitura é necessário que você tenha em mente a resposta para a seguinte questão:

Por que eu preciso estudar/aprender a gramática da língua inglesa?

Se a sua resposta for: “Para falar inglês fluentemente!”

Cada palavra escrita neste artigo vai servir para você e com toda a certeza vai te ajudar, porém, se você deseja aprender a gramática da língua em um curto espaço de tempo para fazer uma prova, por exemplo, entenda apenas os conceitos passados aqui, mas, existem chances de que se você por em prática tudo passado aqui você tenha alguns problemas.

Por que?

A resposta é simples, se você deseja aprender a falar inglês o seu estudo deve explorar as habilidades que te proporcionem falar em inglês, se por outro lado, você deseja fazer uma prova de gramática da língua inglesa, as suas skills aprimoradas devem ser outras.

Neste artigo eu vou focar apenas o estudo da gramática da língua inglesa voltado para as pessoas que querem falar inglês.

A verdade é que se você deseja aprender a falar inglês, um método de estudos que foque em gramática não é nada efetivo.

Posso te citar diversos motivos, entre eles veja abaixo:

1 – Não Automatização da língua

Grande parte dos e-mails que recebo são de pessoas que desejam “pensar em inglês”, porém, elas buscam a perfeição da língua, perfeição essa que é almejada derivada de anos de estudo de gramática.

A questão é simples, se você estuda gramática, você estuda estruturas e regras que por sua vez precisam ser relembradas sempre que você for falar em inglês.

Sem falar que regras para a gramática inglesa variam de local para local.

Então se você for falar por exemplo a frase:

I’ve seen you.

Você não vai pensar em inglês, você vai pensar em regras e estruturas gramaticais, ou seja, você vai pensar no Present Perfect.

Isso porque você precisará relembrar uma regra manualmente, não tem como relembrar regras automaticamente.

Acredite ou não esse é um grande problema, principalmente se você está no nível básico e é submetido a anos de gramática, esse processo vai te deixar literalmente no manual.

Imagina, por exemplo, se você tivesse que pensar na gramática sempre que você fosse falar português… Hum… Seria um problema certo?

Isso acontece porque você não aprendeu o português através da gramática, você apenas aprimorou na escola um português que já sabia previamente com o estudo da gramática 😉

2 – Você aprende o Inglês Culto (Problema grave)

Esse é um problema grave, aprender o inglês dos livros é aprender o inglês perfeitinho, consequentemente é aprender um inglês que não existe na prática.

O mesmo se aplica ao nosso português, sabemos muito bem que o português apresentado na gramática não é o português que falamos, certo?

Para te exemplificar melhor, me diz qual foi a última vez que você falou “Vós” em uma conversação…

Ou melhor, me explica o que é uma Oração Subordinada Adversativa?

Pois é, com esses dois exemplos ficou claro que para falar o inglês de maneira correta, não é necessário conhecer a gramática da língua inglesa perfeitamente, muito menos é necessário estudar rusticamente a gramática.

3 – Busca por perfeição, medo e frustrações.

Se você estuda através da gramática da língua inglesa, você se habitua a tentar falar um inglês “perfeito”, todo nos seus mínimos detalhes…

Tão perfeito que você chega até a esquecer que o seu principal objetivo é se comunicar em inglês, acredite ou não, tem muito brasileiro que quer falar inglês melhor do que muito americano por ai.

E é ai que se encontra o problema.

Essa busca por perfeição vai te deixa frustrado após alguns erros, consequentemente você vai evitando falar o inglês “esperando melhorar mais” e vai deixando, vai deixando, até chegar em uma fase de medo.

Você vai começar a sentir medo de falar em inglês, e as chances são que isso só vai te prejudicar cada vez mais na caminhada de estudo da língua.

Então saiba que o seu principal objetivo em aprender o inglês é conseguir se comunicar e compreender o que te é falado, uma “perfeição” da língua é consequência de um inglês cheio de erros falados e corrigido MUITAS vezes.

Deu pra entender?

Enfim, eu poderia citar mais alguns motivos, porém fica inviável, o artigo certamente teria o triplo de palavras.

Então se você deseja aprender a falar inglês, saiba que você definitivamente não precisa passar por anos de gramática para conseguir aprender a falar a língua!

Veja abaixo uma relação simples que eu faço entre o estudo da gramática e o estudo do inglês.

Diamante Bruto x Lapidação deste diamante

gramática inglesa

Após diversas tentativas de explicar aos meus alunos qual a melhor maneira de se estudar e aprender a gramática da língua inglesa, eu acabei desenvolvendo uma relação que facilita e vem facilitando muito a vida de ambos, tanto a minha na tentativa de explicar, quanto a sua na tentativa de entender.

Momento da sacada

E bom, eu não sei se você sabe, mas eu tenho uma filha de dois anos.

Depois que eu entrei no mundo de aprendizado de idiomas, tudo passou a ser olhado com mais cautela por mim, tudo começou a ser analisado.

A minha filha não foi/está sendo diferente, eu adicionei o crescimento dela e aquisição do português como língua materna as minhas pesquisas e consegui fazer algumas observações simples, porém, que podem ser colocadas em prática também para se aprender uma segunda língua facilmente.

E o que me chamou atenção nesse processo de observação foi perceber que a minha filha se comunica muito bem comigo, ela também me entende muito bem, porém, ela apresenta alguns erros de concordância, número e gênero, enfim, ela apresenta alguns erros gramaticais.

Mas ela já tem a fluência do português, e bom, como ela adquiriu essa fluência?

Acredite ou não eu nunca ensinei gramática da língua portuguesa para que minha filha pudesse se comunicar comigo em português.

E ela apresenta já uma fluência da língua, mas como?

Existe uma coisa que eu gostaria de ressaltar:

Ela apresenta um conhecimento bruto da língua (Diamante bruto).

Ela tem a essência do português, ela já é fluente, porém ela apresenta um português bruto.

O que seria esse português bruto?

Esse português bruto é justamente um português com erros gramaticais, verbais, de concordância, porém ela se comunica e entende tranquilamente.

Depois que ela for pra escola, ela vai estudar gramática e então aprimorar esse conhecimento, ou seja, lapidar esse diamante.

Com o inglês você deve fazer o mesmo!

Se você deseja então aprender a falar inglês da melhor maneira e rapidamente, você deve fazer o mesmo.

Aprenda o inglês através de áudios e textos em inglês, filmes e séries, músicas…

Sem estudar a gramática, deixa a gramática de lado nesse momento!

Após um certo tempo de estudo você vai ter um inglês bruto, certamente um inglês que apresenta alguns erros verbais ou de concordância, porém que você já consegue entender e se comunicar bem.

E esse sim é o momento correto para se estudar a gramática da língua e lapidar esse diamante bruto que você apresenta.

Nesse momento tudo vai fazer mais sentido para você.

Então para aprender a falar inglês rápido, é necessário que você tenha primeiro um diamante bruto (conhecimento bruto da língua) para que depois você venha lapidar esse diamante (estudo da gramática).

Como aprender a gramática inglesa “tecnologicamente”?

gramática inglesa

 

A internet nos “mau-acostumou”, hoje ter tudo rápido é muito fácil.

Você mesmo chegou até esse conteúdo apenas com alguns cliques, assim como todas as buscas e páginas que você já acessou em toda a sua vida.

Pois é, você assim qualquer outro ser humano se acostumou com a velocidade e deseja ter tudo de maneira rápida… Até aprender a falar inglês, rsrs 😉

Eu sei, essa ansiedade é normal, querer aprender rápido, etc.

Eu eu tenho duas notícias para você, uma notícia ruim e uma notícia boa.

Vou começar com a boa 😛

Notícia Boa

A notícia boa é que hoje é claramente possível se aprender inglês rapidamente, bem mais rápido que a 15 anos a trás por exemplo.

Imagina a sua vida hoje sem o youtube, imaginou?

Como seria…?!

E sem o google?

Pois é, a vida era assim há 20, 15 anos atrás…

Naquela época realmente era necessário passar anos para aprender o inglês, até porque para se ter contato com o inglês era muito complicado…

Ou você fazia intercambio, ou então você poderia dar sorte, encontrar um gringo na rua e tentar falar com ele.

MAS HOJE, com a tecnologia que temos hoje, podemos ter contato com o inglês falado apenas em alguns cliques.

Eu mesmo aqui já te apresentei o melhor site para conversar com estrangeiros (NÃO é o omegle) que existe, sem falar que você também tem acesso ao youtube e filmes, séries, músicas, textos com áudio em inglês, enfim…

Sendo assim, se você souber utilizar todos esses recursos da melhor maneira, você vai com toda certeza aprender a falar inglês MUITO mais rápido.

E acredite ou não, quando se tem tudo isso a disposição, a última coisa que você deve usar na vida para estudar o inglês é um livro de gramática 😉

Notícia Má

Infelizmente muitas pessoas não conhecem ainda isso que estou te “falando” aqui neste post, você faz parte dos poucos que sabe que não é necessário estudar rusticamente através de um livro de gramática para se aprender a falar inglês…

Isso é inadmissível com toda a tecnologia que temos hoje.

Então se você conhece algum amigo que deseja aprender a falar inglês, compartilha esse artigo com ele…

Eu tenho certeza que ele vai te agradecer.


Para finalizar…

Eu realmente espero que você tenha entendido e compreendido a realidade e facilidade de estudo que temos hoje, e como o tradicionalismo de estudo da língua tem atrapalhado muitas pessoas que desejam aprender a falar inglês.

Economize seu tempo e seu dinheiro indo direto ao ponto.

Acesse meu mini curso gratuito -> 6 Aulas Gratuitas de Inglês

  • silvo

    textos com áudios em qual parte do site?